Medo da Verdade

Where I come from, you die with your secrets

# Eu estou revendo meu preconceito contra o Ben Affleck, o-ator-que-em-todos-os-filmes-tem-uma-cena-com-os-olhos-fechados-e-os-braços-abertos. Como diretor desse Medo da Verdade, ele evidencia que tem controle e que pode sim assinar um bom filme. E há horas eu tô afim de ver aquele outro Atração Perigosa (apesar da tradução sofrível para The Town).

# Ao invés de ir para a frente das câmeras, dessa vez Brother Ben mandou o Brother Casey ser o protagonista. Junto, de lambuja colocou a Michelle Monaghan de par. Isso sim que é parceria de irmão.

# Seguinte, Medo da Verdade é daqueles filmes que se eu começar a falar muito aqui, vai estragar a experiência porque ele vai parecendo ser bom no decorrer, mas na metade final acontecem algumas coisas que deixam ele mais do que simplesmente bom. Mas não sou babaca de contar aqui, certo?

# Bebe na fonte de Sobre Meninos e Lobos. O que, convenhamos, é uma bela fonte, não?

# Até onde lembro, o filme foi adiado-proibido-alguma-coisa-assim na Inglaterra porque na época coincidia com o sumiço daquela guriazinha, a Maddie (era esse o nome, não?).

# Morgan Freeman e Ed Harris como coadjuvantes. Que diferença faz ter um baita elenco.

Medo da Verdade (2007) ****

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: