O Discurso do Rei

Timing isn’t my strong suit

# Tem alguns filmes que, admito, eu tenho preconceito antes de ver. Principalmente os de época. Aquela coisa “não vi e achei chato”. Aí tempos depois, quando vou ver, percebo que não era nada do que eu pensava, que no fundo era bem bacana e tal. Acho que por isso, eu fui ver O Discurso do Rei achando que nah, não devia ser um filme xaropinho, afinal de contas, até Oscar ganhou, algum mérito deve ter. E até tem. Figurino, direção de arte, atuações e zzzzzzzz… Que filme chato! Não, não é ruim. Só é chato.

# Colin Firth, pela 2825168ª vez na vida fazendo o papel de Colin Firth.

# E outra, esse Rei era um baita dum grosso. Tinha mais que pagar vale na frente da galera gaguejando.

# Legal pelo menos ver como as “virtudes” de quem manda precisaram mudar. Antes, bastava fazer. Depois, também passou a ser preciso mostrar isso. Depois, com a TV, a coisa desandou total e aparecer bonitinho ou querido virou indispensável.

O Discurso do Rei (2010) ***

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: