Zona Verde

It is not for you to decide what happens here

# Aos poucos, começam a aparecer filmes bons sobre guerras novas. Deixemos a I e a II Guerra e o Vietnã um pouco de lado, tava na hora. Zona Verde fala sobre a invasão do Iraque atrás das tais armas químicas que todo mundo, fora os americanos, sabiam que não estavam lá chongas nenhuma – não pelo menos nos moldes do discurso de terror do Bush filho e companhia.

# Os americanos elegeram DUAS vezes o Bush filho como presidente. Sendo assim, em um país com tamanha capacidade conservadora, é sim um pouco surpreendente – no caso, positivamente – um filme tão crítico sobre um tema ainda recente, ainda mais no qual sabe-se que os EUA fizeram tudo errado.

# Talvez um dos maiores méritos de Zona Verde seja pegar um espectador desavisado. Aquele cara que senta na frente da tela para ver um filme de guerra, de tiros e quando se dá conta, tá assistindo muito mais a um thriller político do que qualquer coisa. E Zona Verde é isso. É um filme de guerra. É um filme de tiro. É um filme político. E funciona em todos os aspectos.

# O que esse governo Bush fez durante os oito anos que esteve no poder foi nojento. Só acho curioso que outros governantes por muito menos sejam julgados por crimes de guerra, enquanto esse pessoal necas, ninguém sequer cogita.

# Eu não vou estragar a experiência contando o final, mas a frase do iraquiano é uma das pauladas mais certeiras que o cinema mandou sobre esse tema.

# A parceria do diretor Paul Greengrass com o Matt Damon até agora, passados A Supremacia Bourne, O Ultimato Bourne e Zona Verde, é de 100%.

Zona Verde (2010) ****

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: